Puxou para cima

Santa Cruz do Sul/RS – Carro-chefe da economia do Vale do Rio Pardo, o setor de tabaco foi um dos que mais contribuíram para o desempenho da indústria gaúcha em 2017 até agora. É o que mostra o Índice de Desempenho Industrial (IDI-RS), divulgado ontem pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs). No acumulado entre janeiro e agosto, o tabaco foi um dos oito segmentos que apresentaram expansão em relação ao mesmo período de 2016. O crescimento foi de 14,7%. Também se destacaram máquinas e equipamentos e produtos de metal. Por outro lado, registraram retrações setores como alimentos (-2,8%), veículos automotores (-2,5%) e móveis (-2,4%). Nos primeiros oito meses do ano, a variação geral do IDI-RS foi negativa, de -0,4% em relação a 2016 – ainda assim, trata-se do melhor resultado do ano.

Apesar da queda em relação a julho, o IDI-RS cresceu 1% em agosto na comparação com o ano anterior, o que, segundo o presidente da Fiergs, Gilberto Porcello Petry, é um indício de retomada do crescimento da economia após três anos de recessão. É a segunda taxa positiva seguida, o que não acontecia desde dezembro de 2013. Texto: Panorama Jornal Gazeta do Sul.

Share

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *