PROJETO DESPERTAR COMPLETA CINCO ANOS EM VERA CRUZ

Vera Cruz/RS – A transformação na comunidade escolar da Escola Municipal de Ensino Fundamental Jacob Blész, desde a implantação do Projeto Despertar, em 2010, pôde ser percebida na empolgação dos estudantes, na dedicação dos professores e no olhar orgulhoso dos pais que estiveram no ginásio da escola na manhã dessa quinta-feira (19).

O balanço dos cinco anos do projeto foi apresentado pelas mantenedoras da iniciativa Alliance One Brasil, Fundação Altadis, pertencente ao grupo Imperial Tobacco, e Prefeitura de Vera Cruz, através das Secretarias de Educação e Desenvolvimento Social, com apoio do Círculo de Pais e Mestres da Emef Jacob Blész, em uma solenidade que reuniu autoridades, imprensa e as famílias beneficiadas.

Oficina de danças gauchescas

Oficina de danças gauchescas

Inserido em uma comunidade onde a principal atividade econômica é a produção de tabaco, o projeto Despertar é mais uma iniciativa para combater o trabalho infantil nas propriedades rurais, através de oficinas de aprendizagem, desenvolvimento esportivo, artístico e cultural, e estímulo à educação ambiental no turno inverso às aulas. Nestes cinco anos, 600 estudantes foram beneficiados em mais de 5 mil horas de atividades.

O ex-aluno Jonathan Carvalho, que participou das aulas de violão proporcionadas pelo Despertar e que hoje integra a dupla Dodô e Darlei, compartilhou sua experiência. “Em nome de todos os alunos que já passaram pelo projeto, quero agradecer e dizer que vocês fizeram a diferença em nossas vidas”, contou. A dupla emocionou a todos ao cantar e tocar Querência Amada.

Em 2014, mais um importante passo foi dado, com a inserção das mães dos alunos, através de oficinas profissionalizantes, culturais e esportivas. Com uma apresentação de dança, as 24 mães participantes das atividades neste ano, demonstraram um pouco do que já aprenderam. “A participação mais efetiva das famílias proporcionou uma importante evolução nas ações do projeto. Agora o aprendizado não fica só na escola, é compartilhado com todo o núcleo familiar”, enfatizou o Diretor Regional da Alliance One América do Sul, Alexandre Strohschoen.

Alexandre Strohschoen, diretor regional da Alliance One

Alexandre Strohschoen, diretor regional da Alliance One

RESULTADOS

As apresentações das oficinas de violão, percussão, danças gauchescas e capoeira também demonstraram os avanços na formação de cada um dos 180 estudantes beneficiados em 2015. A diretora da Emef Jacob Blész, Adriana Pedrebon, destacou a importância da permanência dos alunos na escola. “Nós professores, percebemos a evolução do desenvolvimento intelectual dos alunos, oportunizando a abertura de novos horizontes e objetivos dos estudantes”, ressaltou.

A diretora da Fundação Altadis, com sede na Espanha, Inês Cassin, veio ao Brasil para acompanhar de perto os avanços do projeto. Ela recebeu mimos dos alunos e das mães, em agradecimento aos investimentos realizados nestes cinco anos. Inês compartilhou a satisfação ao perceber o envolvimento das famílias e dos monitores para garantir a formação de cidadãos do bem. A Prefeita de Vera Cruz, Rosane Petry, destacou que mais do que despertar os estudantes, o projeto transforma vidas, através da evolução das pessoas e da sociedade.

O público presente ainda pode conferir os trabalhos realizados pelos estudantes e pelas mães nas oficinas de artesanato, meio ambiente, esporte, brinquedoteca e acompanhamento pedagógico. O projeto Despertar integra as ações do Instituto Crescer Legal, uma iniciativa do SindiTabaco.

Entrega de certificados para as mães

Entrega de certificados para as mães

Assessoria de Comunicação da Alliance One; fotos de Junio Nunes/divulgação
Share

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *