Ministro da Agricultura visitará região produtora de tabaco

Vale do Rio Pardo/RS – O presidente do Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco (Sinditabaco), Iro Schünke, integra nesta quarta-feira, dia 20 de julho, a comitiva que recepcionará o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi, no Vale do Rio Pardo. A visita, coordenada pela senadora Ana Amélia Lemos e pelo prefeito de Santa Cruz do Sul, Telmo Kirst, contará ainda com a presença do governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, e do vice-governador, José Paulo Cairoli, além de representantes de entidades representativas do setor e autoridades políticas.

A agenda do ministro na região se inicia em Venâncio Aires, em visita a produtores rurais. Na parte da tarde, Maggi estará em uma fábrica de beneficiamento de tabaco, encerrando o roteiro em uma fábrica de cigarros, ambas em Santa Cruz do Sul. Iro Schünke esteve recentemente com o ministro em Brasília, quando levou números do setor ao representante do agronegócio nacional.

O dirigente acredita que este será um momento de consolidação das informações repassadas ao governante naquela ocasião. “A visita em nossa região dará a real dimensão da importância social e econômica do setor. Será um momento ímpar, quando teremos todos os elos da cadeia produtiva presentes”, avalia Schünke.

Demanda recente do setor ao ministro, a 7ª Conferência das Partes (COP7) da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (CQCT), que acontece entre os dias 7 e 12 de novembro, em Noida, na Índia, deverá ser tema das conversas do grupo durante a visita. “Temos buscado um posicionamento claro e antecipado do governo brasileiro com relação à COP7 e esperamos que o setor produtivo possa estar representado na delegação oficial do Brasil durante a Conferência”, diz Schünke, que considera o apoio do Mapa estratégico nesse sentido.

Panorama do setor
Brasil: maior exportador e 2º maior produtor mundial de tabaco
619 municípios produtores
154 mil famílias envolvidas
R$ 5 bilhões de receita aos produtores
R$ 12,8 bilhões em impostos
40 mil empregos diretos nas indústrias
2 milhões de postos de trabalho indiretos
97 países importadores
US$ 2,19 bilhões em divisas

Share

Adicione um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *